Você já sabe que a Afinz oferece soluções financeiras, mas, como essas oportunidades funcionam na prática? Como elas podem beneficiar o seu negócio?

Para responder essas perguntas, começamos hoje a série de posts “Comprar, vender e cuidar”, onde vamos conhecer mais sobre as empresas que contam com a Afinz quando o assunto é somar!

O primeiro parceiro é o Bruno Gianninni Santos, dono da Loucos por Futebol, uma loja de artigos esportivos de Sorocaba, São Paulo. 

A história da loja Loucos por Futebol

A ideia de montar a loja surgiu em uma conversa entre amigos, sobre o que fariam caso ganhassem na loteria. 

Bruno, que cresceu rodeado por futebol, disse que se ganhasse o dinheiro, investiria tudo em uma loja de artigos esportivos, onde venderia camisas de todos os times do mundo.

Ele não ganhou, infelizmente, mas a ideia foi avançando até se concretizar em 1 de agosto de 2011, quando aconteceu a inauguração da Loucos por Futebol. 

Toda empresa começa pequena, o importante é saber não se acostumar e pensar sempre no crescimento. 

“Começa pequeno, mas, ao mesmo tempo, falando, poxa, a gente precisa fazer algo pra melhorar essa situação”, diz Bruno. 

A empresa foi crescendo, mas, sem perder as raízes. Hoje, Bruno conta com a ajuda de sua irmã, que após se formar, começou o trabalho na área financeira da loja e se tornou o braço direito do negócio.

Toda empresa tem desafios!

Todo empreendedor vai concordar com a gente: é impossível passar ileso, sem nenhuma dificuldade na abertura de um negócio, isso em qualquer nicho de mercado.

Para Bruno, um dos grandes desafios no início foi a resistência das grandes marcas que não costumavam atender pequenos negócios. 

Porém, com o passar do tempo, a Loucos por Futebol foi ganhando mais credibilidade no ramo e hoje vende produtos originais de grandes marcas.

Outro momento difícil veio com a pandemia: a loja passou por um período complicado, mas se mantiveram otimistas. “Fomos mais na raça do que na técnica, como dizem no futebol”, conta Bruno.

Afinidade é trazer soluções

A parceria entre a loja e nós da Afinz veio para somar. 

Sabemos que as taxas cobradas no mercado para uso de maquininha de cartão são agressivas e podem comprometer a margem de lucro dos negócios, principalmente para estabelecimentos de menor porte. 

De acordo com Bruno, hoje seu faturamento de cartões de crédito e débito representa 80% do faturamento total. 

Ter uma maquininha que cobra taxas elevadas não seria uma boa opção para uma parceria de negócios. Por isso, um parceiro como a Afinz, que se propõe a ter taxas competitivas, ajuda muito. 

“Essa é a vantagem que a gente mais precisa, e é o que a gente tem hoje”, diz ele.

Por isso estamos aqui, Bruno! Comprar, vender e cuidar dos negócios de todos os tipos e tamanhos. 

Quer saber mais sobre a maquininha Afinz feita para você vender mais? Clique aqui para ver os benefícios que ela pode trazer para o seu negócio e pedir a sua.