Seja no trabalho, nos estudos ou na vida real, autoconfiança é uma qualidade indispensável a quem deseja alcançar o sucesso. Mais do que apenas influenciar a visão que os outros têm de você, a autoconfiança também muda a forma como você se relaciona com seus planos, objetivos e o mundo à sua volta.

Apesar de útil, a autoconfiança é uma virtude difícil de se desenvolver. A insegurança, o desconhecimento da própria identidade e a falta de amor próprio são alguns dos principais obstáculos encontrados pelas pessoas na busca pela autoconfiança

Se você quer aprender o que é autoconfiança e como desenvolver a sua, continue lendo este artigo especial que preparamos para você.

O que é autoconfiança e de onde ela vem

A autoconfiança nada mais é do que a certeza sobre as próprias capacidades. Uma pessoa autoconfiante se sente confortável na própria pele, trilhando o próprio caminho e tomando as próprias decisões.

Diferente da autoestima, a autoconfiança está relacionada à certeza de uma pessoa sobre seu potencial e seu modo de agir. Ela é um sentimento mais presente em pessoas que se sentem seguras para ser quem são e interagir com o mundo da forma que desejam.

Pessoas autoconfiantes têm mais facilidade de atingir seus objetivos, tanto pela determinação que costuma acompanhar esse sentimento quanto pela maior facilidade de expressar seus pontos de vista e influenciar as pessoas ao seu redor.

É um sentimento que vem da satisfação com o próprio trabalho, além de uma boa dose de respeito e consideração por si mesmo.  Esses requisitos podem parecer exigentes, mas todas as pessoas são capazes de manifestar uma autoconfiança saudável.

Desenvolver a sua autoconfiança pode ser um processo lento e desafiador. Apesar disso, é muito gratificante e tem um impacto bastante positivo na sua saúde mental.

Autoconfiança vs. Prepotência

A linha que existe entre a autoconfiança e a prepotência é fina. Soar prepotente é um risco que correm as pessoas que buscam desenvolver mais autoconfiança.

A diferença entre autoconfiança e prepotência pode, inclusive, ser relativa ao observador. De um modo geral, tendemos a interpretar como prepotentes pessoas que impõem suas convicções sem ouvir com atenção a opinião alheia.

Além da imposição, outra característica que torna uma autoconfiança saudável em prepotência é a falta de empatia. Quando deixamos de nos colocar no lugar do outro, podemos ser insensíveis e arrogantes.

Para evitar chegar a este ponto, lembre-se de manter os pés no chão e ouvir a fala alheia com respeito. Não imponha suas visões de modo a ridicularizar ou inferiorizar quem não concorda com você. Fazendo isso, na verdade você estará eliminando quaisquer chances de ser ouvido com respeito por aquela pessoa.

Como desenvolver mais autoconfiança?

Uma boa dose de autoconfiança pode mudar muito a forma como você leva a sua vida. Se você se sente silenciado, frustrado ou incapaz de perseguir seus próprios sonhos, não se desespere.

A Afinz separou 7 dicas para você ter a autoconfiança que deseja. Confira:

 <H3> 1. Invista no seu desenvolvimento pessoal

Estude, faça cursos, descubra novos hobbies, dê ouvidos à sua curiosidade. Se aprimorar intelectualmente é muito importante para quem deseja conquistar a autoconfiança.

Adquirir conhecimento aumenta sua segurança ao falar sobre um assunto, além de contribuir positivamente para a sua autoimagem. Quando fazemos planos e traçamos metas, nosso senso de valor próprio é alimentado e nos sentimos no controle do próprio destino.

2. Esteja aberto a novas experiências

Conheça novos lugares, novas pessoas, novas atividades e diga sim mais vezes para as oportunidades de se divertir e adquirir experiências.

A variedade é uma grande aliada da saúde mental. Além disso, ela faz você se sentir uma pessoa mais interessante e mais capaz de se colocar no lugar do outro. Por isso, saia da sua zona de conforto.

Superar os próprios limites e criar coragem para perseguir seus objetivos passa uma imagem de bastante autoconfiança para quem o observa.

3. Aprenda a ouvir com atenção

Aprenda a ouvir com calma, atenção, sensibilidade e respeito. É necessário buscar entender o próximo para tratá-lo com o devido respeito. Além disso, a atenção ao próximo faz você se sentir em contato com a sociedade e alimenta o senso de pertencimento e acolhimento — indispensáveis na construção da autoconfiança.

Ouvir o outro com atenção também convida aquela pessoa a tratar você com respeito e admiração. E isso, sem dúvidas, é um ótimo combustível para a autoconfiança.

4. Cuide da sua saúde

Esteja em dia com sua rotina de autocuidado. Respeite os limites do seu corpo e da sua mente para garantir um estado mental de satisfação e plena capacidade.

Mantenha uma boa rotina de sono, alimente-se de maneira adequada, pratique exerícios e saiba ouvir os sinais do seu corpo. Não esqueça de descansar e recuperar as energias regularmente.

Lidar com o mundo estando esgotado pode atrapalhar suas relações com o próximo e sua rotina. Ter instabilidades na rotina também contribui negativamente para a sua autoconfiança.

5. Defina objetivos e persiga-os com dedicação

Uma das coisas mais importantes na busca pela autoconfiança é definir objetivos e metas. Afinal de contas, somente quem tem um objetivo a perseguir pode refletir sobre sua capacidade de cumprí-lo.

Além disso, ter metas garante o senso de propósito que nos incentiva a melhorar e evoluir. Isso, por sua vez, alimenta uma autoimagem positiva que sustenta uma autoconfiança saudável.

6. Seja gentil consigo

Não se cobre tanto. Respeite o seu tempo e o seu ritmo na busca pelos seus sonhos. Evite comparar sua trajetória à de outros, pois cada pessoa trilha seu caminho a partir de suas próprias condições e critérios.

Seja grato pelas suas conquistas, aprenda a perdoar seus erros e busque aprender com eles para, em vez de ter pena de si mesmo, alavancar sua determinação e ir ainda mais longe.

7. Seja gentil com os outros

Tratar o próximo com gentileza e respeito evita que você seja torturado por sentimentos como culpa, remorso e mágoa. Além disso, contribui para a imagem que você projeta de si mesmo na sociedade e nos círculos aos quais você pertence.

Quando você se sente querido e bem visto pelos outros, é fácil agir com autoconfiança. Mas para ser visto dessa forma, você deve praticar a empatia e a escuta ativa.

Todos esses passos contribuem para a sua autoconfiança, uma característica muito importante em todos os sentidos!

Afinz e você

Sabemos a importância da saúde mental e emocional para o bem-estar no dia a dia. Além de contar com os benefícios Afinz, como o Você Bem Saúde, o nosso blog tem artigos com dicas para desenvolvimento pessoal e profissional. Afinidade é estar junto!

Para outras dicas como essas, acompanhe as nossas redes sociais.